sábado

não muito longe da Arcádia


"Paisagem noturna com lua cheia", Vincent van Gogh

mesmo que bem pouco
me assemelhe a Pã
já não tenho o afã de
um dia ser amado
adverso meu destino de
pelas ninfas sempre
ser abandonado

poderia vê-las então
como parte do arvoredo
ou sendo ecos do passado
já que Selene me apraz
porém qual a vida ou
a noite estabelecida
este amor também fugaz

2 comentários:

Graça Pires disse...

Van Gogh a inspirá-lo com mais um poema melancólico.
"adverso meu destino de
pelas ninfas sempre
ser abandonado"
O amor pode ser fugaz, sim meu amigo mas, como diz o poeta Vinicius:
Que não seja imortal pôsto que é chama mas que seja infinito enquanto dure.
Um beijo

Anônimo disse...

"Oh! se te amei! Toda a manhã da vida
Gastei-a em sonhos que de ti falavam!
Nas estrelas do céu via teu rosto,
Ouvia-te nas brisas que passavam."
Francisco Otaviano