domingo

em lugar de barcos



"Barcos", Claude Monet
 
se tanto tenho de cais
é porque meus caminhos
não clamam pelo mar
pelas palavras que abrigo
é outro o lume que sigo
nunca e não o de navegar

diferente do que o vento
no azul sentencia
disponho versos em
lugar de barcos
mesmo que nada  
possa legitimá-los

sábado

que se contraponha ao mar



"A praia de Saint Adresse", Claude Monet 

nas palavras procuro
algo de porto que se
contraponha ao mar
para em mim resgatar
o coração em degredo
com cartas de marear

não mais ilhar o amor ou
singrá-lo em  segredo
tão-somente nele atracar