domingo

antes que se apague

contemplo seu átimo
que é (e me) chama
funâmbulo o lume
na ponta do pavio
qual inflada vela em
cume de navio

ímpeto ígneo
que oscila e remonta
a destinos do vento
é como o existir
em cada momento, rito

e nada tira a beleza
mesmo do que de antemão
sabemos finito

Nenhum comentário: