terça-feira

versos para Graça Pires


"Mulher com livro", Pablo Picasso

deram-te os deuses
a palavra encantada
as prerrogativas da pétala
o insurgir da madrugada

tecelã de tardes e oceanos
ensinas a não desdenhar a brisa
num credo onde o amor é irisado
o plenilúnio parte da jornada

é teu o ofício de legitimar primícias
descrever os périplos do sol
por mais que cinco continentes
mesmo que more ele em tua casa

agora sei que foram sempre tuas
todas as estrelas que eu mirava

2 comentários:

Graça Pires disse...

Fico sem jeito com tanta gentileza.
Muito me sensibilizam as palavras que me dedicas e que farei por merecer com todo o amor que dedico à poesia.Vou guardar no meu caderno de recordações este poema, como uma prova de grande carinho recebida através da blogosfera.
Um abraço e a minha amizade.

Alexandre Bonafim disse...

Suas palavras, também feitas de delicadeza, expressam com exatidão a grandeza de Graça Pires. Parabéns.